Arquivos do Blog

Homem dá banho em cachorros de rua na Tailândia

Em um vilarejo na Tailândia, um homem tem chamado a atenção por levar uma mangueira, balde e sabão às ruas e dar banho em cachorros abandonados. O tailandês já havia adotado uma cadela que sofria de câncer e uma série de outras doenças.

Reprodução

A gente sabe que os cães não curtem muito tomar banho, mas, para os bichinhos sem lar, essa é uma maneira de controlar pulgas e outros problemas. Todo ato de gentileza é sempre bem-vindo. Confira o vídeo:

Fonte: Catraca Livre

Garçom nos EUA recebe gorjeta de US$ 1 mil de aniversariante generoso

article-2698279-1FCB096300000578-475_634x683

Após fechar conta de apenas US$ 113,89, Michael Shafts recebeu o Presente: ‘foi surreal’

ALBANY, NOVA YORK – As pernas bambas e um incontrolável sorriso no rosto foram as reações instantâneas, enquanto Michael Shafts tentava entender o que estava acontecendo. Aos poucos, percebeu que era mesmo real: o garçom acabara de ganhar uma gorjeta de US$ 1 mil, presente de um cliente anônimo que comemorava seu aniversário de 47 anos com sua esposa em um bar em Nova York. Na conta, fechada em apenas US$ 113,89, o recado: “passe adiante! meu presente de aniversário para mim”.

O episódio ocorreu na quarta-feira passada no bar Ginger Man, na cidade de Albany. O presente inesperado veio com aviso de apenas alguns segundos. Pouco depois de entregar a conta ao casal, a mulher, não identificada, falou brevemente com o garçom sobre a doação.

— Meu marido fez algo muito especial para você. É real, e ele realmente quer fazer isso, então não se assuste — disse a cliente, segundo relato de Shafts ao “Times Union”.

Os nomes dos clientes não foram revelados, mas segundo o “Albany All Around” eles saíram em uma limusine.

GORJETA 44 VEZES MAIOR QUE O NORMAL

article-2698279-1FCB097B00000578-892_634x845

Michael Shafts trabalha no Ginger Man há cerca de cinco anos, como um emprego de meio período. A gorjeta, que equivale a 878% do valor da comanda, foi a maior que ele já recebeu. Considerando que o costume na região é de gratificação de 20% sobre o valor da conta, o presente é cerca de 44 vezes superior ao que o garçom poderia esperar.

Julie Byron, gerente do bar, também diz que a gorjeta é a maior já recebida desde que o restaurante foi aberto pelo seu pai, em 1983. Segundo ela, o casal já havia passado pelo estabelecimento antes, mas não eram clientes regulares. Naquela noite de quarta, não haviam consumido nada extravagante, embora tivessem levado, de casa, uma garrafa de vinho 47 anos, em referência à idade do aniversariante.

Embora o casal não identificado já tivesse ido ao restaurante, Shafts conta que nunca os tinha atendido. Ele contou que, depois da surpresa, foi difícil se concentrar no trabalho, mas ele concluiu seu turno normalmente, embora Julie, a gerente, esperasse que ele fosse embora após já ter ganho o dia.

— Vi-o atendendo outras mesas e disse: ‘Michal, não acredito que você não está indo embora’. E ele respondeu: ‘Julie, nunca faria isso com você!’. Ele é um jovem muito trabalhador. Não poderia ter ocorrido com uma pessoa mais legal — afirmou a chefe ao “Albany All Around”, outro site local.

— Foi surreal. Estava tremendo, não podia sentir minhas pernas. Eu apertei a mão dele, o abracei duas vezes e disse que era muito, duas vezes. Mas ele insistiu, duas vezes, que queria fazer aquilo — contou o garçom.

Segundo o “Times Union”, parte do dinheiro foi gasto em reparos em seu carro usado. Com mais da metade da quantia, no entanto, ele atendeu o pedido do cliente: passou adiante a bolada, dividindo o presente com seus colegas de trabalho.

 

Fonte: O GLOBO

%d blogueiros gostam disto: