Arquivo da categoria: Curiosidades

5 brasileiros que usaram a criatividade para se destacar nos seus negócios

Quem não quer ter uma grande ideia e começar um negócio “bombástico”? Tem gente que passa a vida toda tentando… Enquanto outros decolam com apenas um ponto de partida. Mas nem tudo são flores!

Aqui no Hypeness já falamos várias vezes sobre as dificuldades que enfrentamos para começar um negócio na internet. E deixamos sempre o mesmo aviso: é preciso ralar muito! E, além disso, ficar de olho em tudo o que envolve um negócio, se organizar, ter controle das contas e muitas outras coisas que você nem lembra, mas que vão surgir no caminho. Por isso, adoraríamos que nos tivessem mostrado, lá atrás, em 2011, um projeto como a ContaAzul, especializada em resolver esse tipo de perrengues para quem está começando a se aventurar.

E quando a inspiração te faltar, olhe para exemplos como esses:

1. O vendedor de água que usou a criatividade para melhorar seu negócio no trânsito de SP

Divertidíssimo, Rodrigo de Oliveira Silva, 28, teve um insight maravilhoso para animar as ruas de São Paulo. Ele se vestiu de garçom para vender bebidas no trânsito. Não é demais? Imagine a seguinte situação: você está passando por um dia super estressante quando, de repente, encontra Rodrigo na rua. Um sorriso ele provavelmente arrancará de você!

Saiba mais sobre a sua história (e até quantas garrafinhas de água ele vende por dia aqui!

RuaAgua_destaque

2. A brasileira que faz até R$ 600 mil por mês vendendo coxinhas a R$ 1

Essa aí já acertou de primeira: coxinha. Como não amar? A capixaba Lorena de Carvalho, 22, ficou conhecida como “Rainha das Coxinhas” por se destacar na venda do salgado mais popular do país! Tudo começou com um investimento inicial de R$ 60 mil e uma pequena lanchonete que vendia copos com mini-coxinhas a partir de R$ 1. Hoje muita coisa mudou e ela chega a faturar R$ 600 mil por mês com o negócio. Mas uma coisa ainda é a mesma: o valor.

Clique aqui e conheça mais sobre a dinâmica da franquia que um dia já foi lanchonete.

coxinha2

3. O ex-vendedor de sanduíches na praia que hoje faz sucesso com franquia de fast food saudável no RJ

De coxinhas a lanche natural: porque o Brasil é um país de todos! Brincadeiras à parte, agora vamos te contar uma história do Raphael Krás, 27, que vale a pena conhecer.

Tudo começou quando, aos 19 anos, seus pais decidiram cortar a sua mesada e ele precisava de algum jeito manter aquela graninha mensal. Foi aí que seu avô lhe emprestou R$ 50 e ele investiu em hambúrgueres vegetarianos. Isso porque o Rafa já frequentava as praias do Rio e percebeu uma mudança de comportamento para uma alimentação mais saudável. Hoje ele franqueou seu negócio e vende mais de 200 lanches por dia. Boa garoto!

hare10

4. O homem que fundou uma escola de inglês e hoje é reconhecido como parâmetro de sucesso no país

Você provavelmente já deve ter ouvido falar da WiseUp? A rede de escolas de idiomas começou com a ideia do Flávio Augusto da Silva, 43, considerado hoje um dos líderes mais admirados do Brasil. Todo esse mérito porque ele é um empreendedor nato. Começou com um negócio, hoje já tem outro – mudando sempre de ramo e se reinventando.

De educação a time de futebol, Flávio começou a empreender com R$20 mil do cheque especial a uma taxa de 12% ao mês. Saiba que fim deu essa história aqui.

flavio-augusto-silva2

5. A mãe que transformou a falta de tempo com as filhas em oportunidade de negócio

Para representar o empoderamento feminino das brasileiras, não poderíamos deixar de contar a história carioca Patrícia Marinho, 42. Pensando na rotina maçante que pais e mães passam e se sentem culpados pela falta de tempo com os filhos, ela criou um espaço que oferece soluções práticas e inventivas para famílias dividirem uma convivência agradável e produtiva.

A Patrícia é mãe da Carol e da Gabi e conta que com a maternidade passou a repensar na forma de como aproveita o seu tempo. E disso fez seu negócio. Saiba mais.

tempojunto home

E aí, ficou inspirado depois desses exemplos? Lembre-se que nunca é tarde para investir nos seus sonhos! Porém, ter sucesso em um negócio criativo vai muito além da ideia. Você precisa estar aliado a serviços inovadores que sejam compatíveis ao nível do seu negócio.

Os perrengues acontecem e os problemas financeiros existem. E acredite: dicas de quem entende realmente do assunto podem fazer a diferença entre colocar seu negócio de pé ou matá-lo à nascença. Por isso curtimos tanto a proposta da ContaAzul, que oferece serviços de gestão financeira para quem precisa de tempo e espaço para criar.

Ao todo, a ContaAzul já apoiou mais de 500 mil empresas de diversos segmentos, deixando-as livres para aumentar a produtividade com toda a segurança. Além disso, o time da ContaAzuloferece atendimento personalizado e online, fazendo de tudo para não atrapalhar seu ritmo de produção, atendimento e vendas.

Faça a gestão de sua micro e pequena empresa ficar muito mais simples, rápida e eficiente e comece a experimentar a ContaAzul agora. E boa sorte com o negócio!

Todas as fotos: Reprodução

 

Fonte: Hypeness

Anúncios

Designer Russa criar bonecas artesanais de porcelana usando ouro, prata e cristais Swarovski

A artista russa Marina Bychkova tem dedicado sua carreira para criação de bonecas de porcelana com um olhar misteriosamente triste para adultos.

 

Quando criança, a autora achava que bonecas infantis produzidas em massa eram muito chatas. Então, quando Marina tinha apenas 6 anos de idade, começou a fazer suas próprias bonecas. Esse interesse aumentou  quando iniciou seus estudos na Emily Carr Institute of Art and Design.

Confira as fotos abaixo:

enchanted-sad-porcelain-dolls-marina-bychkova-2 enchanted-sad-porcelain-dolls-marina-bychkova-10 enchanted-sad-porcelain-dolls-marina-bychkova-15

Fonte: Catraca Livre 

Whoopi Goldberg lança linha de produtos com maconha para cólicas menstruais

Além de atriz, Whoopi Goldberg é conhecida pelo seu ativismo a favor dadescriminalização da maconha. Nesta quinta, dia 31, ela anunciou o lançamento de uma linha de produtos baseados na maconha para ajudar mulheres que sofrem de dores menstruais.

divulgaçãoA atriz, comediante, empresária e apresentadora de 60 anos disse, em entrevista ao jornal americano USA Today, que cólicas e dores na menstruação “não são brincadeira” e que sua linha de produtos não é para “quem quer ficar chapado”, mas sim para aliviar dores de um jeito calmante e relaxante.

“Fumar um baseado ajuda com a dor, mas você não pode trabalhar depois. Esse produto é para quem quer aliviar a dor sem problemas. Você pode carregar na bolsa e esfregar a loção na barriga e nas costas no trabalho, chegar em casa e colocar na banheira ou fazer chá, e esse tempo todo vai poder trabalhar sem problemas”, diz ela.

No começo, a linha só estará disponível na Califórnia, onde o consumo para uso médico é regulado. Os produtos são uma parceria de Whoppi com Maya Elisabeth, uma empresária defensora do uso médico da maconha.

produtos

Fonte: Catraca Livre

Ela se passou por homem durante 42 anos para poder trabalhar e sustentar a filha

Há 42 anos, a egípcia Sisa Abu Daooh deixou de lado os vestidos, a maquiagem e os cabelos longos. Quando seu marido morreu, ela se viu sozinha, com uma filha para criar, em um país em que, na época,mulheres não podiam trabalhar. A decisão foi bastante óbvia (e corajosa!): para conseguir um emprego e poder sustentar a filha, Sisa decidiu se passar por homem.

Na cidade de Luxor, ela trabalhou por mais de 7 anos na construção civil, realizou pesados trabalhos braçais – com os quais conseguia ganhar pouco mais de 1 dólar por dia -, sentou nos cafés e rezou ao lado de homens, vestindo sua tradicional túnica, conhecida como galabeya. Durante todo esse tempo, apenas sua filha, alguns familiares e vizinhos sabiam do segredo, segundo o NY Times.

Hoje, aos 64 anos, trabalhando como engraxate e orgulhosa por ter conseguido criar sua filha de forma digna, Sisa decidiu revelar sua real identidade publicamente. Não, ela não pretende voltar a usar roupas femininas ou deixar o cabelo crescer – esta ainda é uma forma conveniente de evitar situações em que o machismo impera.

egipcia-homem

Entretanto, ela teve medo quando a polícia egípcia começou uma forte onda de repressão contra homossexuais, travestis e transgêneros. Sisa fez questão de deixar claro que o uso das roupas masculinas nada tem a ver com sua sexualidade e o esforço da dupla identidade para superar uma sociedade machista lhe garantiu até mesmo uma condecoração oficial.

A ação de Sisa para que ela e sua filha sobrevivessem é incrível. Contudo, ela é apenas uma em um país que ainda sofre muito com preconceito de gênero – hoje, apenas 26% das mulheres egípcias trabalham, contra 79% dos homens. Para o Egito, infelizmente, condecorar uma mulher que precisou passar 42 anos se fingindo de homem é mais fácil que propor ações para combater a cultura machista.

egipcia-homem2

Fotos © Bryan Denton/NY Times

Fonte: Hypeness

Dadinho ganha a sua versão de pasta de amendoim

Depois da Paçoquita Cremosa, uma nova sensação chega à nossa mesa: o Dadinho, famoso doce de amendoim, também terá sua versão cremosa.

A novidade ainda não foi anunciada oficialmente pela marca, mas uma loja especializada divulgou a imagem abaixo no Facebook:

dadinho_foto

Fonte: Catraca Livre 

A Muralha de Avila

A antiga cidade de Avila está localizada no centro da Espanha, na comunidade de Castela e Leão, cerca de 100 km a oeste de Madrid. Considerada como uma das melhores cidades muradas na Europa, Avila foi construída sobre o cume plano de um afloramento rochoso que se eleva abruptamente no meio de uma vasta planície sem árvores repleta de imensas pedras cinzentas cercada por altas montanhas.

A sua longa muralha de 2.500 metros até hoje está quase completamente intacta.

A Muralha de Avila

Foto: Never House/Flickr

A área cercada pela muralha é agora designada a Cidade Velha, e contém todos os marcos históricos da cidade, incluindo a catedral gótica, o Convento de Santo Tomás, que contém os túmulos de Tomás de Torquemada que foi o primeiro grande inquisidor da Espanha, e de Don Juan, o único filho de Fernando e Isabel, e várias igrejas.

Hoje é possível andar sobre algumas partes da muralha. À noite, toda a circunferência da parede é iluminada por luzes amarelas e laranjas, tornando a muralha o “maior monumento totalmente iluminado no mundo”.

A Muralha de Avila

Foto: Allan Reyes/Flickr

A Muralha de Avila

Foto: jorcolma/Flickr

A Muralha de Avila

Foto: Leticia Ayuso/Flickr

A Muralha de Avila

Foto: jorcolma/Flickr

A Muralha de Avila

Foto: jorcolma/Flickr

A Muralha de Avila

A Muralha de Avila

Foto: Carlos/Flickr

A Muralha de Avila

Foto: Son of Groucho/Flickr

A Muralha de Avila

Foto: Allan Reyes/Flickr

A Muralha de Avila

Foto: Yildori/Wikimedia

A Muralha de Avila

Foto: Son of Groucho/Flickr

A Muralha de Avila

Foto: Anual/Wikimedia

A Muralha de Avila

Foto: jorcolma/Flickr

A Muralha de Avila

Foto: Carlos/Flickr

Fonte: Wikipedia / UNESCO / Architecture of Spain by Alejandro Lapunzina / Britannica

Fonte: Mistérios do Mundo 

Os peixes bebem água?

peixes

Eles estão sempre no mar. E, apesar da crença popular, os peixes não bebem necessariamente água. Eles apenas usam o líquido para fins particulares.

O termo beber não é o que se aplica da melhor maneira na situação, já que um peixe ingere água apenas para respirar e para fazer trocar gasosas com o ambiente externo.

Um peixe vive com uma constante troca de água com o ambiente que vive, pois ele precisa de um equilíbrio entre a quantidade de sais presentes no próprio organismo e no ambiente que vive.

peixes-bob-esponja

Nos peixes de água doce, existe uma maior concentração de sais no organismo do que no ambiente. Por isso, eles não precisam necessariamente “beber” uma grande quantidade de água por dia.

Já nos peixes de água salgada, a concentração de sais é maior no ambiente do que no organismo dos animais. Com isso, o oceano faz a água “sair” do organismo destes peixes, fazendo com que peixes de água salgada “bebam” uma grande quantidade de água por dia para manterem suas atividades.

Ambos os processos são conhecidos como osmose.

E como isso acontece?

A respiração dos peixes faz com que a água chegue até as brânquias do animal para acontecerem trocas gasosas. Isso faz com que o oxigênio seja absorvido e que o gás carbônico seja eliminado.

 

Fonte: Mistérios do Mundo 

A incrível casa tubular de cristal construída em torno de uma árvore

Ter uma “casa na árvore” é o sonho de muitas pessoas. Agora, imagine que essa casa seja de cristal e tenha três andares, ao invés de um cubículo de madeira onde mal dá para se mexer, principalmente se você for um adulto.

A casa tubular de cristal construída em torno de uma árvore é uma ideia do arquiteto Aibek Almassov. Ela foi projetada em 2013, mas os investidores a deixaram de lado. No entanto, hoje, existem empresas interessadas em financiá-la.

“A intenção principal do projeto é oferecer uma alternativa à agitação da vida na vida”, explicou Almassov. “Queríamos combinar as capacidades do design industrial moderno e a beleza e a riqueza da natureza”, completou. “Esta é uma oportunidade para escapar das caixas de concreto sufocantes e sentir esta unidade com a natureza.”

casa-cristal-tubular-arbol-aibek-almassov-1

casa-cristal-tubular-arbol-aibek-almassov-2

casa-cristal-tubular-arbol-aibek-almassov-3

casa-cristal-tubular-arbol-aibek-almassov-5

casa-cristal-tubular-arbol-aibek-almassov-6

casa-cristal-tubular-arbol-aibek-almassov-7

Fonte: Razões para Acreditar 

 

 

Vespas criam colmeias com papéis coloridos

As vespas são conhecidas por não serem muito amigáveis. Mas nem todas são agressivas. Algumas delas são tão gentis que até se parecem com hippies. Dê uma olhada nos ninhos abaixo e veja o por quê.

Estas vespas são o produto de um experimento conduzido por Mattia Menchetti, uma estudante de biologia da Universidade de Florença. Ela percebeu que dando papéis coloridos para as colônia de vespas em cativeiro, ao longo do tempo os insetos acabam construindo suas próprias casas caleidoscópicas. E como você pode ver, o resultado é bastante notável.

Enquanto esta experiência tenha sido proposital, os insetos também tem produzido alguns resultados igualmente surpreendentes sem a interferência humana. Em 2012, por exemplo, os apicultores na França ficaram surpresos ao descobrir que as abelhas tinham criado mel verde e azul. O motivo? Os insetos desavisados estavam usando açúcar recolhidos a partir das cascas de M & Ms em uma fábrica de processamento de resíduos nas proximidades.

Morador de rua consegue emprego no restaurante onde ele pediu esmola

Identificado apenas pelo primeiro nome, o morador de rua Marcus saiu do restaurante onde tinha entrado para pedir esmola, na cidade de Minneapolis, em Minnsesota, nos Estados Unidos, com um emprego e a oportunidade de melhor de vida.

A história foi relatada pela própria dona do estabelecimento, a jovem Cesia Abigail Baires, 25 anos, em um post no Facebook:

“Eu olhei para ele e perguntei: ‘por que você não arruma um emprego? Você sabe que nada é dado de graça, né?’”, relembra Cesia. “Ele respondeu: ‘bem, eu tenho histórico criminal e ninguém quer me contratar por isso, então tive que me virar nas ruas e conseguir dinheiro da única maneira que sei: furtando ou pedindo’. Então, eu perguntei a ele: ‘Você quer trabalhar? Eu tenho um emprego para você’. Seus olhos se arregalaram e o sorriso dele valeu o meu dia”, acrescenta.

Marcus trabalha no restaurante lavando pratos e tirando o lixo. “Quando ele recebe seu pagamento, sabe o que ele faz? Compra comida no meu restaurante e ele faz questão de pagar, porque diz que se sente bem com isso!”, explica Cesia.

Cesia ao lado de Marcus no restaurante (Foto: Reprodução/Facebook)

Cesia ao lado de Marcus no restaurante (Foto: Reprodução/Facebook)

A postura de Cesia foi bastante elogiada, e serviu para quebrar preconceitos que os moradores de rua sofrem, além de estimular a ajuda ao próximo. O post chegou a mais de 172 mil curtidas e 52 mil compartilhamentos

“Faça o bem para o outro e não apenas julgue alguém só porque está pedindo dinheiro. A gente não sabe qual é a situação da pessoa. Alguns merecem uma segunda chance. Deus me abençoou, porque eu não posso abençoar outros?” Isso é o que deveria bombar na internet. Quer mudança? Que tal começar com uma?”.

Cesia contou à ABC News que está gostando do trabalho de Marcus, que foi bem acolhido pelos outros funcionários do restaurante. Logo no primeiro dia ele surpreendeu todo mundo. “Eu perguntei se ele queria comer algo antes de começar. Ele só comeu metade. Uma moradora de rua passou em frente ao restaurante e ele correu para dar a outra metade para ela. Quando perguntei se a conhecia, Marcus disse: ‘Não, mas sei que ela está com fome’.

A equipe do restaurante também está ajudando Marcus a se livrar dos seus vícios, economizando 10% do seu salário para que ele faça o mesmo. Mas, isso não é tudo!

Eles criaram uma campanha em um site de financiamento coletivo para ajudá-lo a encontrar uma casa para morar e sair das ruas. Até hoje, foram arrecadados mais de 7 mil dólares.

Fonte: Inquietaria 

%d blogueiros gostam disto: