Curiosidades sobre a Cidade de Santos (SP)

Apresentação1sssss

Vista aérea da Cidade de Santos, a partir da Ponta da Praia

  • Nossa Senhora do Monte Serrat é a santa padroeira da cidade, que a ela atribui vários milagres. Foi a santa que, em 1615, salvou a Vila de Santos de um ataque de piratas holandeses e livrou o barco nacional Araguary de um naufrágio certo, em 1926. O santuário, no alto do Monte Serrat, conta com a Sala dos Milagres, repleta de peças em agradecimento às graças recebidas. A cidade reverencia e renova sua fé em Nossa Senhora a cada 8 de setembro, com grande festa popular.

    SurfinSantos_Osmar_Gon_alves

  • O surf foi praticado em Santos, em 1934, pela primeira vez no Brasil –  o pioneirismo coube ao norte-americano Thomas Ernest Ritscher Jr., que copiou modelo encontrado na revista norte-americana Popular Mechanics e construiu a primeira prancha de que se tem notícia no país, denominada tábua havaiana, com a qual surfou na Praia do Gonzaga.

    Praticante de tamboréu

    Praticante de tamboréu

  • Único esporte tipicamente brasileiro, o tamboréu nasceu nas praias santistas nos anos 1930. Praticamente, só se joga tamboréu em Santos e, quando se vê alguém praticando o esporte em outra localidade, pode contar que foi ensinado por um santista.
  • Já o santista Osmar Gonçalves (1922-1999) foi o primeiro brasileiro a surfar – isso aconteceu na Praia do Gonzaga, em Santos, em 1939. Junto com dois amigos, ele construiu uma tábua havaiana, copiando modelo publicado na revista norte-americana  Popular Mechanics – a peça tinha 3,60 metros e pesava 80 quilos.
  • Santos foi declarada território livre em 1886, dois anos antes da assinatura da Lei Áurea, em 1888, pela Princesa Isabel.
  • Muitos moradores acreditam que o leito da Lagoa da Saudade, no alto do Morro da Nova Cintra, é um extinto vulcão.

    Lagoa da Saudade (Morro da Nova Cintra)

    Lagoa da Saudade (Morro da Nova Cintra)

  • Durante muitos anos, a Lagoa da Saudade (Morro da Nova Cintra) esteve envolta em mistério, pois moradores garantiam ter visto um jacaré. Em fevereiro de 2004 veio a confirmação: um jacaré-de-papo-amarelo saiu da lagoa, atravessou a avenida e se escondeu em uma casa em construção. Apelidado de Fiorentina, o réptil foi recolhido pelo Ibama e encaminhado para o Criadouro Conservacionista de Arurá, em Volta  Redonda (RJ). Em novembro desse mesmo ano, foi encontrado um filhote de jacaré em uma rua do Morro da Nova Cintra e, em janeiro de 2005, outro réptil, adulto, foi localizado nas proximidades da Lagoa da Saudade. Todos foram encaminhados para Arurá, criado para preservar espécies em extinção.
  • Os santistas atribuem a Santo Antonio do Valongo o milagre de impedir, em meados de século XIX, a demolição da igreja que leva o seu nome, para a construção da estação da São Paulo Railway, a primeira do Estado de São Paulo. Nenhum operário conseguiu remover a estátua do santo, só o mosteiro da igreja foi destruído para construir a estação e o Santuário do Valongo existe até hoje.
  • A imagem de Santa Catarina de Alexandria, existente na primeira capela que existiu em Santos, foi lançada ao mar em 1591, durante um ataque  de piratas ingleses. Setenta e dois anos depois, a santa foi encontrada por escravos, em uma rede, durante uma pescaria. A imagem, em terracota, pode ser apreciada no Museu de Arte Sacra de Santos.
  • Criado em 1532, o Madre de Deus é o primeiro sítio que se tem notícia, no Brasil. Ele fica no bairro Nossa Senhora das Neves (conhecido como Sítio das Neves), na área continental, e foi instalado logo após a chegada da esquadra de Martim Afonso de Souza, que marca o início da colonização, de acordo com a obra ‘História de Santos’, de Francisco Martins dos Santos.  O bairro fica na margem esquerda da Rodovia Cônego Domênico Rangoni, entre os quilômetros 72 e 73, a 27 quilômetros do Centro de Santos.
  • Santos foi a primeira cidade brasileira a comemorar o 1º de Maio, em 1885.
  • O ‘Patriarca da Independência’, José Bonifácio de Andrada e Silva, nasceu em Santos, em 13 de junho de 1763.

    Padre Bartholomeu de Gusmão

    Padre Bartholomeu de Gusmão

  • Também nasceu em Santos, em 1685, o padre Bartholomeu de Gusmão, o ‘pai da aviação’, que em 1709 inventou o aeróstato de ar quente  (balão), ao qual denominou ‘Passarola’.
  • O bairro Quilombo, na área continental, faz referência a um antigo acampamento de escravos fugitivos, destruído pela Guarda Imperial entre 1830 e 1840, de acordo com atas da Câmara de Santos. O bairro tem como destaque o Vale do Quilombo,  área da Mata Atlântica tombada pelo Condephaat, onde  moram 36 famílias, conforme registros da Prefeitura, em setembro de 2010. A entrada para o bairro fica no quilômetro 67 da Rodovia Cônego Domênico Rangoni, a 27 quilômetros do Centro de Santos.

    Centro histórico de Santos

    Centro histórico de Santos

  • Nas ruas XV de Novembro e do Comércio, no Centro Histórico de Santos, é muito comum encontrar grãos de café espalhados pelo chão. Isso acontece porque o produto sempre cai das latinhas dos classificadores que circulam entre os escritórios de café, instalados nessas vias.
  • Santos tem 1.383 vias públicas, 727 das quais com largura inferior a 14 metros.
  • Ninguém imagina, mas na Área Continental de Santos é possível realizar trilhar de ecoturismo e esportes de aventura. A região é de Mata Atlântica intensa e possui rios, lagos e até cachoeiras.
  • O maior bairro do Município de Santos (considerando áreas insular e continental) é o Guarapá, com 6.991 km² (6.991.157 m²). Esse bairro fica da área continenta.
  • O maior bairro de Santos-ilha é o Alemoa, com 2.507 km² (2.507.027 m²).
  • O menor bairro é o Morro Fontana, com 0,072 km² (72.573 m²).
  • O último bairro criado em Santos foi o Villa Haddad, em 2003.

    Fonte do Sapo (orla do Bairro da Aparecida)

    Fonte do Sapo (orla do Bairro da Aparecida)

  • O bairro Aparecida é o que possui maior densidade populacional, com 24.415,38 habitantes/km². O bairro tem área de 1,512 km² e 36.940 moradores (censo IBGE 2000).
  • Caruara é o bairro mais distante de Santos. Ele fica na área continental, a cerca de 15 km do marco zero, localizado na Praça Mauá (Centro Histórico).
  • Os bairros Nossa Senhora das Neves (conhecido como Sítio das Neves), Quilombo e Barnabé, localizados na área continental, são osúnicos, em Santos, onde não há registro oficial de moradores.
  • Com 231, 6 km², a área continental de Santos é  quase seis vezes maior do que a parte insular da cidade (tem apenas 39, 4 km²), e conta com 4 mil moradores em seu nove bairros. Ali se encontra uma reserva ecológica com 206 quilômetros quadrados. A área continental faz limite com os municípios de Cubatão, Guarujá e Bertioga, e no alto da Serra do Mar, com Santo André e Mogi das Cruzes. Até 1999, havia apenas três bairros – Ilha Diana, Caruara e Monte Cabrão. Com a aprovação da Lei de Uso e Ocupação do Solo da Região, em 1999, a área foi repartida em nove seções, formando bairros regularizados: Quilombo, Nossa Senhora das Neves, Barnabé, Guarapá, Caruara, Trindade, Cabuçu-Caetê e Iriri, além de Monte Cabrão.
  • O Marco Distrital de Santos, ou Marco Zero, existente na Praça Mauá, no Centro Histórico, foi o primeiro a ser criado para fins de cadastro imobiliário no Estado de São Paulo, em 12 de fevereiro de 1940.
Monumento idealizado por Tomie Ohtake em homenagem à  Imigração Japonesa.

Monumento idealizado por Tomie Ohtake em homenagem à Imigração Japonesa.

Vista aérea da Praça da Independência, localizada no bairro do Gonzaga.

Vista aérea da Praça da Independência, localizada no bairro do Gonzaga.

Cena comum, principalmente no verão santista: transatlânticos saindo da cidade.

Cena comum, principalmente no verão santista: transatlânticos saindo da cidade.

Imagem aérea da Escultura de Tomie Ohtake.

Imagem aérea da Escultura de Tomie Ohtake.

Vista aérea da Cidade de Santos, a partir do Morro da Asa Delta, localizado na Cidade de São Vicente.

Vista aérea da Cidade de Santos, a partir do Morro da Asa Delta, localizado na Cidade de São Vicente.

Anúncios

Publicado em 17 de novembro de 2014, em Cultura, Curiosidades, Esporte, História, Meio Ambiente, Natureza, Turismo e marcado como , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: