São Paulo 460 anos | História da cidade

Fundação da cidade de São Paulo Imagem cedida pelo Museu Paulista

Fundação da cidade de São Paulo | Imagem cedida pelo Museu Paulista

No dia 22 de janeiro do ano de 1532, teve início a colonização oficial (por Martim Afonso de Souza) da localidade que, hoje, conhecemos como São Paulo, com a fundação da mais antiga vila do Brasil: Vila de São Vicente. Em 1554, os jesuítas (dentre os quais estavam o padre José de Anchieta e Manoel da Nóbrega), depois de subir a serra, decidem construir um colégio onde, além de alfabetizar, também catequizariam índios, no alto de uma colina na região de Piratininga. A cidade de São Paulo cresceu ao redor do colégio.

O "Monumento às Bandeiras" representa os bandeirantes, expondo suas diversas etnias e o esforço para desbravar o país... na verdade, representa nada mais, nada menos do que o domínio dos bandeirantes (que eram pessoas especializadas em caçar e exterminar, ou escravizar os índios). Nada mais "justo" do que existir um monumento imponente que representa o massacre dos índios e a covardia do homem branco, não é mesmo?

O “Monumento às Bandeiras” representa os bandeirantes, expondo suas diversas etnias e o esforço para desbravar o país… na verdade, representa nada mais, nada menos do que o domínio dos bandeirantes (que eram pessoas especializadas em caçar e exterminar, ou escravizar os índios). Nada mais “justo” do que existir um monumento imponente que representa o massacre dos índios e a covardia do homem branco, não é mesmo?

A partir do século XVII, têm início as bandeiras (ou entradas) cujo objetivo era a captura de índios, a expansão territorial e, principalmente, a descoberta de ouro e pedras preciosas. No final deste século, os bandeirantes do estado de São Paulo encontram ouro nos arredores de São João Del Rei.

A independência do Brasil é proclamada por D. Pedro I, em solo paulistano, no dia 7 de setembro de 1822.

Em 1817, tem início o ciclo do café com a fundação da primeira fazenda no vale do rio Paraíba do Sul. A mão-de-obra utilizada na cafeicultura era a escrava. Esta atividade econômica fez surgir uma oligarquia rural e propiciou o enriquecimento de diversas cidades do vale do Paraíba do Sul, dentre elas: Lorena, Pindamonhangaba e Guaratinguetá.

Porto de Santos

Porto de Santos

A fim de escoar os grãos de café do interior do estado para Santos, é criada, em1867, a São Paulo Railway (a primeira ferrovia paulista). Com a abolição da escravatura, em 1888, e o enriquecimento da região, começam a chegar os imigrantes (italianos, espanhóis, árabes, japoneses, etc.).

Foto atual de rua do bairro da Liberdade, o qual é o maior reduto da comunidade japonesa na cidade, a qual, por sua vez, congrega a maior colônia japonesa do mundo, fora do Japão.

Foto atual de rua do bairro da Liberdade, o qual é o maior reduto da comunidade japonesa na cidade, a qual, por sua vez, congrega a maior colônia japonesa do mundo, fora do Japão.

A partir de 1900 (e até 1970) uma empresa canadense chamada Light passa a administrar a geração de energia elétrica, fato que alavancou um grande desenvolvimento industrial e econômico. No início do século XX, a oligarquia cafeeira viveu seu apogeu, que foi interrompido pela Revolução de 1930 (liderada pelo Rio Grande do Sul). As elites paulistas promovem a Revolução constitucionalista, em 1932 e, apesar de todo o dinheiro que possuíam, são derrotadas. Após a Revolução de 1930, o país passou por um período de instabilidade que favoreceu a implantação da ditadura de Getúlio Vargas. A ditadura do Presidente gaúcho terminou junto com a Segunda Guerra Mundial. Devido aos bons preços que o café atingiu durante a guerra, o estado de São Paulo se recuperou.

Na historia do Brasil, a década de 30 foi marcada por transformações políticas e sociais.

Na historia do Brasil, a década de 30 foi marcada por transformações políticas e sociais.

Em 1950, chega a indústria automobilística a São Paulo (ABC Paulista), como fruto do trabalho de Juscelino Kubitschek. Graças à falta de mão de obra, migrantes do nordeste brasileiro (Bahia, Pernambuco, Paraíba, etc.) vêm em grande número para São Paulo e passam a viver na periferia aumentando o tamanho da região metropolitana daquela cidade.

Túnel 9 de Julho | 1950

Túnel 9 de Julho | 1950

A partir da década de 60, São Paulo torna-se o principal pólo econômico e a maior cidade da América do Sul.

Tower Bridge -TS Paulo Brenta 508

Vista do Centro Empresarial Nações Unidas a partir da Marginal Pinheiros.

Ponte Octávio Frias de Oliveira, conhecida como Ponte Estaiada.

Ponte Octávio Frias de Oliveira, conhecida como Ponte Estaiada.

Avenida Paulista, um dos logradouros mais importantes do município de São Paulp.

Avenida Paulista, um dos logradouros mais importantes do município de São Paulp.

 

 

 

 

Fonte: InfoEscola

Anúncios

Publicado em 25 de janeiro de 2014, em São Paulo e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: